Carregando

Analisador de Textura no Estudo de Balas Duras

Publicado em: 21/08/2020 Autor/fonte: Extralab
Analisador de Textura no Estudo de Balas Duras

Objetivo: Medida da dureza e fraturabilidade de balas duras (rebuçados) por teste de penetração.

Equipamento: Analisador de Textura TA.XT Plus da Stable Micro Systems.

Acessórios: probe cilíndrico de 2mm (código P/2) com célula de carga de 100 kg, plataforma Heavy Duty (código HDP/90) e recipiente protetor Shatter Screen (código XT/SHT).

Preparação de amostras: Permita que as amostras se equilibrem a uma temperatura controlada (20°C, por exemplo). Em seguida, remova-as a partir do local de armazenamento imediatamente antes do ensaio.

Teste de preparação: Fixe a plataforma Heavy Duty na a base do analisador de textura. Encaixe o probe cilíndrico na célula de carga, a qual está localizada no interior do braço do analisador de textura. Posicione a amostra sobre a base da plataforma Heavy Duty, de forma que ela fique centralizada e exatamente abaixo do probe cilíndrico. Coloque o recipiente protetor Shatter Screen sobre a amostra e assegure-se de que o probe cilíndrico passe pelo orifício do recipiente sem tocá-lo. Inicie o teste de penetração.

Curvas típicas:

Analisador de Textura

A curva acima foi produzida pelo Software Exponent ao receber os dados enviados pelo Analisador de Textura TA.XT Plus a partir de uma amostra de bala dura, testada a 20°C.

Observações: O probe cilíndrico aplica uma força até ao momento em que a superfície da amostra se quebra e se afasta do caminho do probe. Neste ponto, a força necessária para romper a amostra é considerada como a força máxima, a qual é uma indicação da dureza da mesma. A distância até o pico de força fornece uma indicação da fraturabilidade da amostra. Ou seja, quanto menor é a distância no pico, maior é a característica de fraturabilidade.

Notas:

  • Se for verificado que a fratura não ocorre devido à natureza da amostra (se, por exemplo, ela possui características de fluidez), então o uso da comparação da distância com a força de pico se torna redundante.
  • A armazenagem, a embalagem e a manipulação das amostras antes do ensaio são consideradas condições variáveis que interferem diretamente sobre os resultados. É importante identificar essas condições e mantê-las constantes ao relatar os resultados dos testes de firmeza para fins de comparação.
  • Este estudo de aplicação foi concebido para uma amostra específica e, por isso, deve-se notar que qualquer desvio da amostra em termos de tamanho, forma, formulação, etc., pode causar grandes diferenças ou mesmo exigir um método diferente de ensaio.

Para maiores informações sobre este teste ou sobre o Analisador de Textura TA.XT Plus, entre em contato com os engenheiros da Extralab Brasil por e-mail: contato@extralab.com.br ou telefone: 11 4524 2414.

Analisador de Volume Analisadores de Cor Analisadores de Textura Panificação & Confeitaria Cereais Latícinios Frutas & Vegetais Carnes & Ovos Massas & Grãos Snacks Petfood & Ração Animal Pó & Granulados Géis & Filmes Adesivos Cosméticos Médico & Farmacêutico Cabelo & Produtos Para o Cabelo Embalagens Materiais & Eletrônicos Analisadores de Viscosidade Analisadores Sensoriais
Últimos Posts
Posts Anteriores
  • Junho / 2022 - 5 posts
  • Abril / 2022 - 5 posts
  • Março / 2022 - 8 posts
  • Fevereiro / 2022 - 16 posts
  • Dezembro / 2021 - 1 post
  • Outubro / 2021 - 2 posts
  • Setembro / 2021 - 2 posts
  • Agosto / 2021 - 4 posts
  • Julho / 2021 - 3 posts
  • Junho / 2021 - 14 posts
  • Maio / 2021 - 4 posts
  • Abril / 2021 - 7 posts
  • Março / 2021 - 8 posts
  • Fevereiro / 2021 - 8 posts
  • Janeiro / 2021 - 8 posts
  • Dezembro / 2020 - 2 posts
  • Setembro / 2020 - 10 posts
  • Agosto / 2020 - 42 posts
  • Maio / 2020 - 5 posts
  • Abril / 2020 - 1 post
  • Março / 2020 - 3 posts

Contatos

contato@extralab.com.br

(11) 4524 2414

 

Horário

Segunda a Sexta

Das 09h00 às 17h00

Endereço

Rua Benjamin Constant, 501

Edifício Office Center

Itatiba - SP

Política de Privacidade